sábado, 29 de novembro de 2008

Até ver o que vamos fazer com isto

Pelo menos no que a mim diz respeito.
Depois darei notícias...
Hic Hic Hurra

6 comentários:

CARTEIRO disse...

Meu caro Zé,
Penso (atrevo-me a tal)que as razões que te levam a interromper os movimentos deste baloiço que é um blogue sejam parecidas com as minhas.
Um baloiço implica um movimento nos dois sentidos, não é uma melodia de uma nota só, antes pressupõe um retorno, um gesto pendular que pode tomar a forma de uma palavra apenas, uma frase, qualquer coisa que nos diga, a nós que accionamos o mecanismo, que não estamos sós, que alguém (do outro lado) acompanha com algum prazer as nossas acrobacias.
Quando suspeitamos que assim não acontece, o Carteiro fecha o saco e o Escriba arruma a pena que temos de estar a pregar no deserto.E tu encerras para balanço, coisa que a um baloiço se aplica com toda a propriedade.
Talvez isto nos passe, talvez o bichinho da conversa (descon)fiada nos traga de volta, mas para já é o que nos apetece fazer, hibernar.
São os (per)calços do Tanha.
Esta, a Ana não vai perceber, mas oportunamente lhe explicaremos porque ela revela possuir o espírito da nossa confraria...

Ana disse...

Isto é andaço que anda por aí grassando entre a comunidade blogueira.
Se a razão for aquele emplastro dos cartões virtuais, embora eu não tenha o remédio para matar o bicho, sempre posso dar uma sugestão.
Podem deixar este, tal com está e criar o "ALDEIA LUSITANA II" com outro E-mail e outra password.
Se os sócios estiverem de acordo, que isto de sociedades é muito complicado...
Se for falta de tempo, não há grande coisa a fazer.

Falta de visitantes não é, basta ver a quantidade de passagens pelo seu "perfil".
O Zé escreve uns posts tão divertidos que vai fazer falta a muita gente nova que o lê.
Eu passo por cá e nem sempre comento.
Olhe, ri-me cá com os meus botões com o do massajador na escova de dentes mas não encontrei palavras para lá deixar.
Também não comentei o do "Boomerangalhães" e podia tê-lo feito, já que a palavra é um verdadeiro achado.

Sei que vários amigos dos meus filhos (que devem ter aproximadamente a sua idade) lêem os disparates que eu escrevo, mas nunca nenhum lá deixou um único comentário.
Dos meus próprios filhos, que são três, só a mais velha comentou por duas vezes. E já foi uma sorte...

Apesar do que lhe digo, também eu tenho feito os meus intervalos, como sabe.
Deixei o "Ecos" por um certo cansaço e por outros motivos que ficarão para uma próxima conversa.
Agora, até voltar a apanhar o ritmo, tenho-me ficado por dois posts por semana (o dos filmes não conta).

Olhem só o testamento que para aqui vai!

Até breve, meu caro vizinho.

À sua!

Entretanto, já vi que há um outro blogue com vídeos musicais.

Ticha disse...

Humm, não surpreenda a comunidade blogueira com um fecho desta aldeia, seria uma grande perda!
Aguardamos o seu regresso a todo o "vapor"!

Rabodesaia disse...

Cara vizinhança,

Há sempre altos e baixos nos blogs, onde se escreve a todo o vapor e depois se deixa de escrever.

Essas fases não podem ser suficientes para terminar o blog!
Nem sempre estamos na melhor fase,
nem sempre temos todo o tempo, nem sempre nos apetece, ou então por e simplesmenet achamos que já não sabemos escrever...

Mas isso são fases, cai-se, levanta-se!

E caro vizinho, depois de um discurso lindo que me fez sobre o casamento e a união vai-se entrar em divórcio com o blog?!!

Não vale a pena, o amor se é amor, subsiste!

A vizinha,

Ze_Cuscopos disse...

Meus caros vizinhos,

É, para já, uma pequena paragem.

Por falta de tempo e disposição.

E para repensar se vale a pena continuar.

Obrigado pelos comentários e apenas Vos posso desejar em dobro o que desejo para mim.

Hic Hic Hurra

João J. disse...

Fases... todos nós bloggers as temos... quer por falta de tempo ou contratempos na vida que nos tiram o sangue da nossa veia artística. Espero que o balanço esteja quase feito, e claro, cá estarei a assistir para o arranque de mais uma temporada. Até porque o Sócrates & Cia. não tira férias, e há muito material para ser trabalhado. Bom Natal para todos e boas entradas no nov ano... já me estou a adiantar, nunca se sabe quando cá volto :P Abraço cibernáutico!